A osteoporose e a prevenção de quedas

osteoporose e diabetesA osteoporose é uma doença óssea caracterizada pela diminuição da densidade óssea, ou seja, torna os ossos mais finos, menos resistentes e mais suscetíveis a fraturas. As fraturas são a consequência mais perigosa da osteoporose, sendo causa de dor aguda e crônica, diminuição da qualidade de vida, dependência e aumento da mortalidade.

É uma doença crônica progressiva de evolução normalmente longa (vários anos) e geralmente não causa sintomas. Ocorre mais frequentemente nos idosos e nas mulheres porque as alterações hormonais que ocorrem na menopausa também afetam o osso.

Tem como fatores de risco a idade superior a 65 anos, história na família de fratura da anca, menopausa precoce (menos de 40 anos) e terapêutica crônica com corticosteróides. O tabagismo e o consumo excessivo de bebidas alcoólicas também têm um papel importante. Como a maioria dos doentes são idosos, é muito importante os familiares, cuidadores e amigos estarem informados sobre a prevenção das quedas e diminuição do risco de fraturas.

Cuidados que o paciente deve ter em casa:

  • Usar calçado baixo e aderente;
  • Nunca andar descalço ou só com meias e evitar caminhar com chinelos mesmo em trajetos curtos e conhecidos;
  • Na casa de banho, usar apenas tapetes antiderrapantes apropriados e instalar barras de suporte;
  • Evitar tomar banho em banheiras: instalar cabines de duche, que são mais seguras, têm apoios apropriados e são mais acessíveis de usar;
  • Nas restantes divisões da casa, evitar usar tapetes;
  • Colocar corrimões nos locais de maior perigo, como escadas e locais muito inclinados;
  • Na cozinha, evitar guardar os alimentos ou utensílios em locais elevados onde seja necessário subir escadotes ou cadeiras;
  • Manter as zonas de passagem amplas e sem obstáculos;
  • Não andar em locais da casa com pouca iluminação e/ou difícil acesso;
  • Usar luzes noturnas/guia durante a noite, principalmente no quarto, casa de banho e trajetos.

Não se esqueça, a maioria das quedas ocorre em casa!

Cuidados no dia a dia:

Andar devagar em áreas desconhecidas;

Pedir /oferecer auxílio sempre que necessário: ao atravessar ruas movimentadas, subir ou descer escadas, caminhar com volumes pesados, em superfícies escorregadias ou molhadas (por exemplo, na calçada portuguesa);

Usar sempre cinto de segurança em qualquer tipo de transporte, mesmo em autocarros públicos;

Evitar veículos de 2 rodas, como motas e bicicletas, inclusivamente como passageiro;

Ter atenção à postura e altura – as fraturas vertebrais são frequentes e muitas vezes não têm sintomas;

Ter atenção com a visão: doenças como o glaucoma e as cataratas são frequentes no idoso e diminuem bastante as capacidades visuais;

Evitar o sedentarismo: o exercício físico apropriado, mesmo que ligeiro, é muito benéfico na osteoporose.

Esses são alguns cuidados essenciais que o paciente acometido com a osteoporose deve ter diariamente.